Vereador de Uberlândia faz pronunciamento que incita a aporofobia